“Jurassic World” – Crítica O Lado Cinéfilo da Força – Especial 25 Anos de Jurassic Park

O Parque está aberto...

Jurassic World (2015) é um filme de Aventura e ficção científica, dirigido por Colin Trevorrow, faz parte da série Jurassic Park e tem Steven Spielberg voltando como produtor executivo. O filme se passa 22 anos após os eventos de Jurassic Park e também de passa na ilha Nublar, só que desta vez o parque foi finalizado e está funcionando completamente por 10 anos e com mais de 20 mil visitantes diariamente. Após a fuga de um novo Dinossauro Híbrido e criado geneticamente, apelidado de Indominus Rex, o parque se vê em completo caos e tem sua operacionalidade ameaçada.

Claire Dearing (Bryce Dallas Howard) é a gerente de operações do parque e convida seus sobrinhos Zach (Nick Robinson) e Gray (Ty Simpkins) Mitchell para um fim de semana no parque, mas devido à sua agenda e posição, não consegue ficar com eles.Simon Masrani (Irrfan Khan) que é CEO da Masrani Corporation, empresa dona do parque, pede para Claire o auxílio de Owen Grady (Chris Patt), um veterano da marinha americana que tem uma relação com o grupo de Velociraptors do parque, para garantir a segurança da área onde a Indominus Rex está contida.

Após o escape da Indominus eles são obrigados a trabalhar juntos e aceitar a proposta de Vic Hoskins (Vincent D'Onofrio) para utilizar as Velociraptors como armas para substituir soldados na guerra.

Related image

Jurassic World marca a volta da série Jurassic Park para o cinema depois de 14 anos do último filme, e traz consigo uma carga nostálgica muito forte, seja pela reutilização de Dinossauros originais, como por exemplo a T-Rex (Rexy) do primeiro filme, ou por utilizarem alguns animatrônicos para contracenar com os atores e trazer mais realidade para o filme, além dos Dinossauros criados por computador.

A trilha é composta por Michael Giacchino que teve o desafio de criar algo novo, mas seguindo a ideia original de John Williams (em 2016 ele teve o mesmo desafio com Rogue One), e consegue realizar a tarefa com destreza, trazendo uma mistura de uma trilha nova e ao mesmo tempo utilizando nos momentos certos a trilha original de Williams.

Related image

Jurassic World traz com maestria a série Jurassic Park para os cinemas, e já tem garantida sua trilogia, trazendo de volta a nostalgia dos fãs antigos e atraindo os novos, acaba pecando um pouco pela utilização exagerada de Efeitos Visuais e em alguns momentos fazendo parecer que os Dinossauros do primeiro filme eram mais reais, mas nada que atrapalhe a experiência do espectador.

Leva 8.5 (Oito e Meio) sabres de luz na avaliação.

May the movie be with you.

 

No Comments Yet.

Leave a comment

You must be logged in to post a comment.